QueerLisboa.orgby PortugalGay.PT

8º Festival de Cinema Gay e Lésbico de Lisboa

16 a 25 de Setembro de 2004
Índice Português | English

Pré Festival:
Apresentação (25 Maio) | 1º Ciclo FNAC (26-31 Julho) | 2º Ciclo FNAC (8-15 Setembro)

Programa:
Dia a dia | Por Países | Por Anos | Salas/Temas

Antonia San Juan
Curta Biografia de Antonia San Juan

Nasce a 22 de Março de 1961 em Las Palmas, Canárias. Aos dezanove anos muda-se para Madrid. Começou a carreira como actriz nas zarzuelas e repertório clássico, como o "Fuenteovejuna", com o Grupo Agora. Já com trinta anos e depois de uma crise profissional, começa a montar os seus próprios espectáculos. Ganha notoriedade nos palcos com o monólogo "Otras Mujeres", representado em bares, festas, discotecas, pubs, teatros e qualquer outro local onde haja público. É neste contexto onde Pedro Almodóvar conhece Antonia e a convida para um teste para o "Todo Sobre mi Madre". Em Janeiro de 2000 cria a sua própria produtora de teatro, continua a representar o "Otras Mujeres" e cria um novo espectáculo, "Hombres... Y Alguma Mujer", onde aperfeiçoa um estilo muito pessoal iniciado com a produção anterior, mas agora representado por um homem, Luis Miguel Seguí. Prossegue a sua carreira no cinema com títulos importantes como "Ataque Verbal", "Asfalto", "Piedras" ou "Octavia". Em 2001 estreia-se na realização com a curta-metragem "V.O.", interpretada por si própria e por Luis Miguel Seguí, e prepara já o seu próximo projecto cinematográfico, "La China".

Como Actriz:
Colours de Carlos Dueñas e Biel (curta-metragem, 2003)
Octavia de Basilio Martín Patino (2002)
A Jangada de Pedra de George Sluizer (2002)
Piedras de Ramón Salazar (2002)
Venganza de Marc Romero (curta-metragem, 2002)
Amnesia de Gabriele Salvatores (2001)
V.O. de Antonia San Juan (curta-metragem, 2001)
Un dulce despertar de Vicente Seva Morera (curta-metragem, 2001)
Asfalto de Daniel Calparsoro (2000)
Hongos de Ramón Salazar (curta-metragem, 1999)
Ataque Verbal de Miguel Albadalejo (1999)
Manolito Gafotas de Miguel Albadalejo (1999)
Todo Sobre Mi Madre de Pedro Almodóvar (1999)
La Primera Noche de mi Vida de Miguel Albadalejo (1998)
El Grito en el Cielo de Félix Sabroso e Dunia Ayaso (1998)
Perdona bonita, pero Lucas me quería a mí de Félix Sabroso e Dunia Ayaso (1997)

Em Teatro, encenou os espectáculos:
A Tiros!, com Luis Miguel Seguí (a partir de textos de David Marqués, Félix Sabroso, Enrique Gallego, Antonia San Juan e Luis Miguel Seguí)
El Veneno del Teatro, com Antonia San Juan e Luis Miguel Seguí (texto de Rodolf Sirera)
Monólogos Cotidianos, com Antonia San Juan e Luis Miguel Seguí (texto de Pau de Lucas)
Otras Mujeres, com Antonia San Juan (a partir de textos de Enrique Gallego, Félix Sabroso, Antonia San Juan y Federico Gª Lorca)
Mujeres Escritoras, com Angie Savall e Nieves Infantes-Lahielo (texto de Miguel Óscar Menassa)
Hombres... y Alguna Mujer, com Luis Miguel Seguí (a partir de textos de Félix Sabroso, Rafael Mendizábal, Antonia San Juan y Luis Miguel Seguí)





WWW: www.antoniasanjuan.com


Quarta, 22 - 21:30

Homenagem a Antonia San Juan
Quarteto-Sala 2

V.O. - Versión Original
Antonia San Juan
17 min. Espanha 2001
Piedras
Ramón Salazar
135 min. Espanha 2002

© 2004-2019 PortugalGay.PT - Todos os direitos reservados
Visite o site oficial do festival em: www.lisbonfilmfest.com